Vendas da Volkswagen Truck & Bus crescem no primeiro semestre de 2018

0
83

A Volkswagen Truck & Bus permaneceu firme em sua trajetória de crescimento e alcançou um aumento expressivo na venda de seus veículos comerciais* no primeiro semestre de 2018. MAN Truck & Bus, Scania e Volkswagen Caminhões e Ônibus venderam 112.130 veículos, o equivalente a uma melhoria considerável de 16% para o Grupo em comparação ao ano anterior. A Volkswagen Truck & Bus está fazendo grandes avanços na implementação de sua estratégia para se tornar Campeã Global. A transformação da empresa em uma sociedade acionária, que ocorreu em junho de 2018, e a iminente alteração de nome para Traton AG representam outros marcos fundamentais.

Todas as três marcas de veículos comerciais, apoiadas pelo crescimento econômico em todo o mundo, tinham um papel a desempenhar no sólido crescimento das unidades de venda visto no primeiro semestre de 2018, em comparação com o ano anterior. As vendas da MAN Truck & Bus demonstraram um excelente aumento de 18% em relação a 2017, com 49.040 veículos. As vendas da Scania subiram para 46.780 caminhões e ônibus, um aumento de cerca de 7%. A demanda dos veículos da Volkswagen Caminhões e Ônibus aumentou 48%, para 17.340 unidades graças à recuperação da economia brasileira.
Todas as três marcas da Volkswagen Truck & Bus registraram alta nas vendas de caminhões. No primeiro semestre de 2018, foram vendidas 97.710 unidades, um aumento de aproximadamente 12% em relação ao ano anterior. Este aumento pode ser atribuído, entre outros fatores, ao crescimento visto em virtualmente todas as regiões.

Com 56.990 caminhões vendidos na região UE28+2 (Estados-membros da União Europeia, mais Noruega e Suíça), o Grupo cresceu cerca de 6% em relação a 2017 graças ao fato de que o mercado europeu de veículos comerciais permaneceu consistentemente sólido. Com uma participação de 30,7%, a Volkswagen Truck & Bus continua liderando o mercado na região UE28+2. As marcas reportaram um crescimento impressionante, de aproximadamente 45% acima de 2017, em vendas na América do Sul, com 19.220 unidades. Isso foi impulsionado pela recuperação econômica contínua e pela alta nas exportações.

Após dificuldades nos últimos anos, existem muitos indícios de que a economia brasileira tenha alcançado um momento decisivo, embora a situação ainda permaneça tensa. O Grupo também colheu os frutos de sua sólida posição como líder do mercado brasileiro de caminhões, onde alcançou uma participação de mercado de 40,8% nos primeiros seis meses.

Impulsionado pela recuperação econômica contínua na Rússia, o Grupo aumentou suas vendas para 4.870 caminhões na primeira metade do ano, uma melhoria considerável, de aproximadamente 32% em relação ao ano passado. A menor demanda na China resultou em uma queda moderada no número de caminhões vendidos na região Ásia-Pacífico no primeiro semestre do ano, chegando a 7.070 unidades – uma queda de aproximadamente 6% em relação ao mesmo período do ano passado. As vendas no Oriente Médio subiram cerca de 8% em relação a 2017, chegando a 3.790 veículos.

As três marcas da Volkswagen Truck & Bus continuaram acumulando potências no segmento de ônibus. 11.250 ônibus foram vendidos em todo o mundo no primeiro semestre de 2018, representando um sólido aumento de 33%, para o qual todas as regiões contribuíram, em relação ao ano passado.

“Fomos capazes de impulsionar consideravelmente as nossas vendas no primeiro semestre de 2018. Assim, demos outro passo no caminho para nos tornarmos Campeões Globais. Nossa transformação em uma sociedade acionária e a iminente mudança de nome para TRATON AG oferecem sinais importantes”, disse Andreas Renschler, CEO da Volkswagen Truck & Bus AG e membro da Diretoria responsável por Veículos Comerciais na Volkswagen AG.

Fonte: MAN LA

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here