Segundo Sérgio Pinheiro, as informações complementares solicitadas pela Caixa Econômica Federal já foram enviadas desde sexta-feira (24).

Por Tiago Medeiros

O secretário municipal de Obras Públicas e Infra-estrutura de Natal (Semopi), Sérgio Pinheiro, afirmou esta manhã (27) que os esclarecimentos técnicos solicitados pela Caixa Econômica Federal quanto às obras de mobilidades, sob responsabilidade da Prefeitura de Natal, já foram encaminhados desde a sexta-feira (24).

Gerlane Lima/Nominuto.com

Secretário Sérgio Pinheiro durante entrevista ao Jornal 96 esta manhã.

Em entrevista no Jornal 96, da 96 FM, Sérgio Pinheiro, criticou o posicionamento da imprensa ao tratar do assunto. “Diferente do que muitos falam, os projetos não foram devolvidos para a Prefeitura, a Caixa apenas pediu novas informações e nós já as entregamos”, e afirmou que a Prefeitura já iniciou as obras de organização do trânsito na área das obras de mobilidade.

Pinheiro explicou que os questionamentos foram referentes ao levantamento de preços e de licenças ambientais para as obras de desvios de tráfego (lote 1). “27 ruas e trechos de ruas sofrerão intervenções. Nosso foco inicial é o perímetro da Urbana, a equipe da Semopi já está fazendo o estudo ambiental”.

Mas em relação à desapropriação dos imóveis, Sérgio Pinheiro, disse que dos 409 que devem ser desapropriados para as obras do lote 1, apenas 25 foram avaliados pela Semopi. Ele tentou justificar a demora, explicando o processo. “Primeiro o imóvel é caracterizado pela Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo (Semurb), depois avaliado pela Semopi e por fim negociado pela Procuradoria Geral do Município”, pontuou.

Ainda segundo o secretário, o projeto inicial da obra estava orçado em 137 milhões de reais e após a revisão do projeto Executivo, pela CEF, o custo reduziu para 108 milhões.

Para ouvir o entrevista basta clicar Aqui.

Fonte: Nomunito.com

0 comentários:

Postar um comentário

 
Top